Nossos Projetos

Núcleo de Assistência Social

Inscreva-se

Considerando ainda que muitas mulheres e seus filhos não apenas as oriundas de famílias de baixa renda, mas em sua maioria, acabam muitas vezes expostos ou não à vulnerabilidade social e ou à violência doméstica, famílias estas envolvidas em um contexto conflituoso e que, segundo especialistas, terão suas energias canalizadas para a violência e a taxa do aumento da delinquência derivada da falta desamparo e até mesmo pela falta de confiança destas famílias numa rede socioassitencial de acolhimento, que mina a autoestima destas famílias é que o MOMUNES – Movimento de Mulheres Negras de Sorocaba desde 1999 abriu o espaço “Casa de Acolhimento - RECOMEÇAR”, em consonância com a Política Nacional da Assistência Social e consequentemente dentro da Proteção Básica e Especial no intuito da promoção de Fortalecimento de Vínculos, mais especificamente voltado à política de atendimento destinado às mulheres, mães e seus filhos, vítimas de violência ou vulnerabilidade social, com atendimento voltado a ações que renovem a autoestima destas famílias, os laços familiares, por meio de sessões de terapia e atividades socioeducativas, culturais, esportivas e ocupacionais.

Casa de Acolhimento e apoio social para mulheres e famílias em situação de vulnerabilidade social.

Necessitamos permanentemente de doações: ALIMENTOS, MATERIAL DE HIGIÊNE E LIMPEZA, FRALDAS,LEITE,ROUPAS DE CAMA E BANHO e MATERIAL PARA ARTESANATO.

CONTATE-NOS ATRAVÉS DE NOSSO TELEFONE 55 15 3211-1854

Público Alvo

A criação da Secretaria Nacional de Política para as Mulheres, em 2003, em consonância com a promulgação da Lei Maria da Penha em 2006, são marcos importantes no combate à violência contra a mulher, porém, torna-se portanto mais do que necessário que a sociedade civil, aliada às políticas de Estado sejam capazes de consolidar uma rede socioassistencial capaz de concretizar ações de proteção à mulher vitimizada.

O espaço abriga mulheres, vítimas de violência acompanhadas ou não de seus filhos com até 18 anos de ambos os sexos, em situação de risco ou vulnerabilidade social, risco de morte ou ameaças em razão da violência doméstica e familiar, causadora de lesão, sofrimento físico, sexual, psicológico ou dano moral, residentes na cidade de Sorocaba.

Esta iniciativa acaba por garantir o reconhecimento formal dos direitos à mulher, além de incentivá-las a participar das atividades contempladas no Projeto, no sentido de orientá-las a substituir o espaço conflituosopelo mundo enriquecedor do acolhimento, da arte, da conquista da sua autonomia moral, intelectual e material, além de garantir o exercício pleno da cidadania, envolvendo ainda a família e a comunidade neste empoderamento de garantias fundamentais.

Objetivos

Esta iniciativa acaba por garantir o reconhecimento formal dos direitos à mulher, além de incentivá-las a participar das atividades contempladas no Projeto, no sentido de orientá-las a substituir o espaço conflituoso pelo mundo enriquecedor do acolhimento, da arte, da conquista da sua autonomia moral, intelectual e material, além de garantir o exercício pleno da cidadania, envolvendo ainda a família e a comunidade neste empoderamento de garantias fundamentais.